SIMPLES COMO O TEMPO
Letras que se espalham com os ventos por todos os cantos do mundo
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato
Textos


NUDEZ TOTAL

Corpo nú
deslizante e sedoso
dedos e mãos
escorregam
carinhosamente.
 
A penumbra do amor
declarado
proibido.
 
Persigo
e sei da dor que invade a alma
Dispo
a contradição do bem e do mal
Insisto
o desassossego da calma
 
Sem as vestes
o fruto
é desnudo
 
O fogo e a madrugada
 
faço o que faço
corpo no corpo
 
afagos e desejos
seios e anseios
 
o chão e a seda rasgada
 
Vida e prazer
sentir sem disfarce
 
A noite e o segredo
o encontro do ser
 
A arte e o guerreiro
o hálito do amanhecer
 
Meu amor é assim
não falta mais nada
algemado em mim
o gosto
da mulher amada.
 

wildon
06/12/2009
WILDON LOPES
Enviado por WILDON LOPES em 06/12/2009
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original ("você deve citar a autoria de AVIENLYW e o site www.wildon.com.br"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários