SIMPLES COMO O TEMPO
Letras que se espalham com os ventos por todos os cantos do mundo
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato
Textos

CANTIGA DE ANIVERSÁRIO



ADORO QUANDO CHORAS
FEITO CRIANÇA. SEM GRAÇA, POIS NÃO TENS A GRAÇA DE UMA CRIANÇA...

Adoro quando balanças a cabeça
e os cabelos longos
soltos ao vento.
Eu acho graça quando, cheia de orvalho,
molhada na chuva
chegas estupidamente feito criança.

Quando você brinca
e se balança na rede
tens os seios de brinquedo
e dá pra contar nos dedos
quanto anos você tem.

Quando discute um tema
ainda jovem invocada,
tens os pensamentos profundos feito gema
e solta em gritos, sem entonação,
palavras de deliberação!

Quando acaricias meu corpo
balançando-se vigorosamente
feito estrela cadente
cai em si
no instante do gozo.
Esforça-se para ser feliz!
És feliz e te amo...
És feliz e és criança
canta a noite como lembrança
do seu aniversário
de criança.
És o único mistério do universo,
o mais e o menos que existe.
És a verdade mais que perfeita
a criança que pensa em fadas e as acredita
desde então:
vamos cantar a cantiga de aniversário
para nos apaixonar nesta noite calada.

AVIENLYW - (22/9/2001)

WILDON LOPES
Enviado por WILDON LOPES em 10/06/2006
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original ("você deve citar a autoria de AVIENLYW e o site www.wildon.com.br"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários