SIMPLES COMO O TEMPO
Letras que se espalham com os ventos por todos os cantos do mundo
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato
Textos
Título Categoria Data Leituras
ANO NOVO - DOIS MIL INOVE - SEMPRE Homenagens 02/01/09 31
MAÇONARIA-CONFISSÕES DE UM MESTRE Prosa Poética 15/12/08 723
O QUE JÁ FUI Poesias > Recordações 15/12/08 41
Se Poesias > Desilusão 15/12/08 23
COISAS AMENAS Poesias > Humor 14/12/08 42
FOSSE EU PESSOA Poesias > Loucura 14/12/08 26
SETA CERTEIRA Poesias > Surrealistas 14/12/08 12
INFARTO Poesias > Surrealistas 22/11/08 11
FUSÃO Poesias > Loucura 22/11/08 19
BOLSA EM QUEDA LIVRE Poesias > Social 22/11/08 12
AISHA Homenagens 22/11/08 8
POEMA PARA O AMOR QUE PERDI Poesias > Surrealistas 22/11/08 46
POR QUE NÃO ALCANÇO AS ESTRÊLAS ? Poesias > Transcendentais 22/11/08 26
PASSADO, PASSADO ALIMPO Poesias > Amor 22/11/08 24
MASTIGÁVEL VIDA DIFUSA Poesias > Solidão 22/11/08 8
ISABELA - OS DIAS PASSAM... Homenagens 22/11/08 34
LUZ NO FIM DO TÚNEL Poesias > Esperança 22/11/08 33
ANIVERSÁRIO DO EDÚ Homenagens 18/11/08 16
O SHOW DA VIDA Homenagens 17/11/08 63
DOIS LADOS Poesias > Loucura 17/11/08 26
Página 4 de 14 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]