SIMPLES COMO O TEMPO
Letras que se espalham com os ventos por todos os cantos do mundo
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato
Textos
Título Categoria Data Leituras
UNIVERSO EM MIM Poesias > Surrealistas 24/10/13 18
PALAVRAS INCOMPLETAS Poesias > Surrealistas 10/04/11 71
PARADA CARDÍACA Poesias > Surrealistas 23/03/11 16
Nem Encanto Nem Magia Poesias > Surrealistas 02/05/10 18
ANO NOVO DENTRO DE MIM - 2010 Poesias > Surrealistas 01/01/10 27
NOVELA Poesias > Surrealistas 06/12/09 16
ENFARTO Poesias > Surrealistas 26/11/09 20
SETA CERTEIRA Poesias > Surrealistas 14/12/08 18
INFARTO Poesias > Surrealistas 22/11/08 11
POEMA PARA O AMOR QUE PERDI Poesias > Surrealistas 22/11/08 46
TEMPO Poesias > Surrealistas 17/11/08 26
CONTRAPONTO Poesias > Surrealistas 24/06/08 10
CONVERGÊNCIAS ENTRE O HOMEM E O ROBÔ Poesias > Surrealistas 23/09/06 26
VESTÍGIOS DE POETA Poesias > Surrealistas 08/08/06 19
O CORPO Poesias > Surrealistas 30/07/06 11
NÃO HAVERÁ NENHUM RESÍDUO Poesias > Surrealistas 26/06/06 18
MUTIRÃO Poesias > Surrealistas 26/06/06 11
MOVIMENTOS Poesias > Surrealistas 26/06/06 16
MILAGRE Poesias > Surrealistas 23/06/06 22
MAUSOLÉU Poesias > Surrealistas 18/06/06 16
Página 1 de 2 1 2 [próxima»]